Vereadores Mirins realizaram viagem de estudos a Capital do Estado Rafael Battisti

9º Encontro Estadual de Câmaras Mirins, em Florianópolis, reuniu dezenas de Legislativos Mirins e Juvenis.

Vereadores Mirins realizaram viagem de estudos a Capital do Estado
Rafael battisti

No dia 21 de novembro a Escola do Legislativo da Assembleia Legislativa de Santa Catarina promoveu o 9º Encontro Estadual de Câmaras Mirins, em Florianópolis, reunindo dezenas de Legislativos Mirins e Juvenis. Os estudantes do Programa ‘Parlamento Jovem’ de Palma Sola, eleitos nas escolas do município em 2018 realizaram viagem de estudos a Florianópolis e participam de diversas atividades voltadas ao desenvolvimento educacional.

Dentro da programação os participantes tiveram palestra sobre a Constituição Federal, com a autora do livro Constituição em Miúdos, Madu Macedo, que também abriu diálogo com os jovens parlamentares. Os estudantes tiveram a oportunidade de conhecer a Assembleia Legislativa e trocar experiências com Vereadores Mirins de outros municípios do Estado, visita aos gabinetes de Deputados e passeios, engrandeceram a ida dos alunos a capital catarinense.

Acompanhou os 09 Vereadores Mirins no Seminário promovido pela ‘Escola do Legislativo - Deputado Lício Mauro da Silveira’, o presidente da câmara Clair Munaro, secretária e coordenadora do programa Maria Eduarda, o assessor jurídico Cleto Marodin e o assessor de imprensa Rafael Battisti.

 

 

ACANOR

 A ACANOR (Associação de Câmaras Municipais do Noroeste de Santa Catarina) participou do evento com oito Câmaras Mirins (São Lourenço do Oeste, Palma Sola, Irati, Novo Horizonte, Santiago do Sul, São Domingos, Galvão e Jupiá).

A ACANOR, por seu secretário executivo, Éderson Hermann, participou da programação expondo as experiências de se trabalhar de forma regional o Programa Parlamento Jovem, uma vez que esta Associação é a única no estado a desenvolver plenamente as atividades com os adolescentes e jovens, tendo em todos os seus municípios filiados  (10) tal programa, o que motivou os organizadores da Escola do Legislativo a convidar a ACANOR para explanar e debater este assunto, com o intuito de motivar e demonstrar as demais associações a possibilidade de se trabalhar de forma integrada e regional, motivando as criações e os trabalhos dos Parlamentos Jovens.